Sábado, 15 Dezembro 2018

globon

 

Nos últimos dias, a Globo apresentou três casos de racismo e discriminação. Estaria a emissora defendendo os explorados e oprimidos?

Caso 1. Diogo, negro, agredido por assaltantes na Estação Dom Pedro II,  em São Paulo. Após uma tentativa de roubo e não ter nada a ser levado foi acusado pelo próprios assaltantes junto aos guardas da estação de ser o assaltante. Diogo tentou explicar aos guardas a verdade, mas foi entregue aos bandidos e a partir daí, ele foi espancado e mordido por cachorros .

“Tentei falar com uma vigilante antes, mas ela me mandou embora porque disse que não podia me ajudar. Mais à frente encontrei esses seguranças, mas os bandidos, que antes eram dois, estavam em um grupo de seis. Eu tentei explicar o que aconteceu, mas me mandaram calar a boca. Os bandidos disseram que eu era o assaltante e não eles. Não consegui me explicar. Os seguranças me levaram para fora do Terminal e o grupo me pegou, dizendo que ia me levar para o "rio" — disse Diogo.” (O Globo, 17/11/2017).

Caso 2. O programa de sábado “Caldeirão do Huck” fez uma homenagem a uma ONG de “empoderamento feminino”, As Valquírias de Rio Preto (SP). Levou ao palco Amanda Oliveira, uma mulher de 28 anos, que sofreu bullying na escola devido a uma queimadura quando bebê, e algumas participantes do Grupo. Foram doados ao Grupo instrumentos musicais e assessórios para maquiagem sob o patrocínio da Eudora, uma empresa do grupo Boticário.

 “As cicatrizes que carrego pela vida foram razão para Bullying nas escolas nas quais estudei, pois sempre fui alvo da curiosidade dos demais alunos. Recebi uma diversidade de apelidos que por muito tempo manteve minha alma em cárcere privado – digo isso porque fiquei calada por muitos anos e só eu sei quantos gritos cabiam dentro do meu silêncio. ” (site do Instituto Valquírias).

Caso 3. Racismo no futebol. O Globo Esporte apresentou uma reportagem sobre o preconceito racial no futebol, onde além da histórica constatação de que os negros eram excluídos do futebol, mostra os recentes casos de racismo onde jogadores negros têm sido chamados de macaco e bananas têm sido atiradas pela torcida em sua direção.  Cita o livro  de Mário Filho, “O negro no futebol brasileiro”, que faz 70 anos.

“O rapaz de boa família, o estudante, o branco, tinha de competir em igualdade de condições, com o pé rapado, quase analfabeto, o mulato e o preto para ver quem jogava melhor. Era uma verdadeira revolução que se operava no futebol brasileiro” (Mário Filho. O negro no futebol brasileiro, p. 126)

Nos três casos, o que se evidencia é a ideologia, a falsa ideia, da burguesia imperialista, na forma de empreendedorismo, empoderamento e meritocracia.

No primeiro caso, é mostrado o resultado do levantamento do Fórum Brasileiro de Segurança Pública em que se constata que sendo os negros 54% da população, 71% deles são vítimas de homicídio contra 29% de vítimas brancas, que o abismo entre brancos e negros aumentou na última década. Entre 2005 e 2015, os homicídios entre os negros aumentaram 18% e entre os brancos caíram 12%. A mãe de Diogo, uma senhora negra da periferia, estava chocada com a violência contra o filho e disse que o educou para “nunca pôr a mão em nada que é dos outros”. Diogo pediu não só direitos, mas respeito. É interessante como mãe e filho, apesar de serem vítimas de tamanha opressão, repetem o discurso da burguesia que um dia lhes roubou e continua roubando, que eles, ao contrário dos burgueses, não devem colocar a mão no que é dos outros. Tudo o que eles conseguirem tem que ser com esforço próprio e por merecimento.

No segundo caso, apresentado no Programa do Luciano Huck, um judeu bem sucedido e que posa de bom garoto, não há nada de misericórdia ou pedido de perdão, trata com escárnio a inteligência média e difunde a ideia de que com esforço individual é possível alcançar as dádivas do consumismo capitalista. Ao fundo a ideia, apesar da explicitação no discurso, de empoderamento das mulheres, uma “ideologia” reacionária criada nos Estados Unidos que vem do inglês empowerment. Se trata de um conceito usado em administração de empresas para enganar os trabalhadores, para passar a ideia de que eles estariam participando da tomada de decisões. Além disso, tem a conotação de que a pessoa pode conseguir o que deseja pelo seu próprio esforço. É parte da ideologia individualista imposta pela propaganda “neoliberal”.

A Rede Globo não está sequer praticando caridade, muito menos Luciano Huck. Ao contrário de tudo isso, são negócios onde ela ganha alto como o merchandising da empresa Eudora que também não é uma instituição de caridade; muito pelo contrário, ela explora milhares de trabalhadores para aumentar suas taxas de lucros.

No Caso 3, é explícita a ideologia de que o homem branco, no futebol, teria que concorrer em pé de igualde com o homem negro. Apesar do evidente racismo, quando jogadores negros são chamados de macacos ou bananas lhes são atiradas nos estádios, eles não levam às últimas consequências a luta do povo negro, que majoritariamente povoa as periferias, porque seus bolsos estão sendo irrigados com altos salários na Europa ou no Brasil. Enquanto isso, o sonho individualista de milhões de mal tratados negros, jovens, nas periferias é alimentado com a ideologia de que um dia podem chegar lá e como Neymar, mesmo que lhes joguem algumas bananas ou gritem “macaco!” será bem menos pior que o futuro lhe reserva.

William Waack e o rascismo da Rede Globo

Em 1837, o escritor de contos de fadas dinamarquês, Hans Chrustian Andersen, escreveu A roupa nova do rei. Nele, um alfaiate, na verdade um bandido que se disfarçava, conseguiu ver o rei a quem prometeu uma roupa que seria vista apenas por pessoas inteligentes, enquanto ele fingia que fiava as pessoas passavam e diziam que viam o tecido para não se passarem por idiotas. Quando mostrou ao rei a suposta roupa sobre a mesa vazia, o rei disse que estavam lindas. Os nobres ao lado do rei também afirmavam-se maravilhados. Então, o falso alfaiate marcou a data para que o rei pudesse vestir tão nobres vestes e desfilasse com elas. Durante o evento uma criança grita “o rei está nu!” Começam então por todos os cantos, buchichos e o rei que percebe a verdade. Ao invés de reconhecer que foi enganado, faz pose que está com a roupa deixando em dúvida os expectadores.

Recentemente, veio a público por meio de um vazamento nas redes sociais, uma gravação de William Waack, uma das vozes de proa da Rede Globo, em 2016, em frente à Casa Branca. Sem perceber que estava sendo gravado, durante um intervalo das transmissões, um motorista buzina algumas vezes na rua às suas costas, ele solta: “tá buzinando por quê, seu merda do cacete? Não vou nem falar, porque eu sei quem é… é preto. É coisa de preto!”

Com este episódio, a Rede Globo, que afirma ser antirracista, ficou nua no próprio racismo. Não adianta fazer pose de politicamente correta, porque depois do que foi visto nenhuma pose vai disfarçar os “defeitos” antes denunciados, mas quase sempre camuflados pela repetição nos aparelhos de praticamente todas as casas brasileiras. Vai mentir que não sabia do que aconteceu antes do vazamento?

A Rede Globo na mira

A família Marinho que apoiou o golpe militar no Brasil em 1964, agora com a crise, a partir do seu apoio ao golpe, que se iniciou com o impeachment da presidenta Dilma, e que a levou também a fazer fortes ataques ao golpista Temer porque este não deu ou não pode dar a devida atenção as exigências dos irmãos Marinho para fazer uma emenda constitucional que permitisse a participação de capital estrangeiro em emissoras de televisão no Brasil, "pretende" vender sua emissora.

A partir dos ataques do imperialismo, por meio das investigações do FBI que revelaram o esquema de corrupção internacional na FIFA, que levou a prisão de Sandro Rosell, ex-presidente do Barcelona e executivo da Nike e de Ricardo Teixeira, ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), em março deste ano, a Rede Globo foi colocada no centro do furacão e a provar do veneno do centro golpista, o imperialismo norte-americano, mais especificamente o Deep Stat. As investigações revelaram que a Rede Globo operou por meio de propinas para transmissão da Copa no Brasil, que não havia sequer usado os habituais laranjas, como sempre acontecia, em conluio com os chefões da FIFA, que agora independentemente da nacionalidade estão sendo julgado nos Estados Unidos, o que uma aberração jurídica apesar dos crimes descarados. A Rede Globo se encontra de fato nas mãos do Departamento de Estado dos norte-americanos, fez campanha pelo impeachment da presidenta Dilma Roussef para pressionar a entrega do pré-sal e destruição das grandes empresas brasileiras.

No dia 6 de novembro teve início os preparativos, em Nova York, para o julgamento de todos os dirigentes de futebol, de diversos países que estão presos nos Estados Unidos. Mas também empresas estarão no banco dos réus, são elas a Televisa, a Traffic, a Media Pro, a Full  Play, a Fox Sports e a Rede Globo de Televisão, esta última repassava as propinas em locais diverso,s como Oriente Médio, Andorra e Ásia. O julgamento está em andamento e uma intricada trama é montada pelos advogados dos acusados, pelos menos dos que estão presos nos Estados Unidos, num jogo de poe a culpa sobre os outros, o que vai revelando um mar de lama em que os mais “insuspeitos” cidadão e empresas, como a Rede Globo, embaixatriz da anticorrupção, estão atoladas até o pescoço. Isso só vem reafirma a tese de que o capitalismo é um sistema intrinsicamente corrupto e que a luta contra a corrupção nada tem a ver com a moralidade, mas com o complexo jogo por lucros.

+ Política

Fora Bolsonaro e o Golpe Militar!

Fora Bolsonaro e o Golpe Militar!

A crise está instalada no futuro governo com a denúncia de corrupção contra a família...

O que está acontecendo na França?

O que está acontecendo na França?

Os protestos que têm acontecido na França nas últimas semanas representam um dos principais sintomas...

A classe operária entrará em movimento?

A classe operária entrará em movimento?

A situação de levante popular na França indica uma mudança na situação da luta de...

A crise do lulismo e a luta dos trabalhadores

A crise do lulismo e a luta dos trabalhadores

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, liberou esta semana o julgamento de...

O fim do Lulismo

O fim do Lulismo

  A condenação de Lula de 12 anos e 1 mês de prisão por corrupção...

Liberdade para Lula!  Fora Bolsonaro e o golpe militar!

Liberdade para Lula! Fora Bolsonaro e o golpe militar!

O depoimento de Lula no dia 14 de novembro, sobre o processo do sítio de...

Militares brasileiros, nacionalistas ou golpistas?

Militares brasileiros, nacionalistas ou golpistas?

A vitória de Jair Bolsonaro no Brasil faz parte da guerra “silenciosa” (híbrida, assíncrona, ou...

Dia de luta contra a Reforma da Previdência de Bolsonaro/Paulo Guedes

Dia de luta contra a Reforma da Previdência de Bolsonaro/Paulo Guedes

  A chapa Bolsonaro/Paulo Guedes venceu as eleições presidenciais de 2018 porque o PT, apoiado...

Agora como farsa?

Agora como farsa?

Por Paulo Uribe A partir de golpe de Estado, em 31 de março de 1964,...

Golpe militar em andamento. O que fazer?

Golpe militar em andamento. O que fazer?

Os ataques contra os trabalhadores vêm de maneira acelerada com o governo Bolsonaro. Praticamente todos...

“Lei do Abate”, autonomia da polícia

“Lei do Abate”, autonomia da polícia

Quais as consequências para os trabalhadores e a população pobre e negra dos subúrbios? Por...

As centrais sindicais devem chamar uma Plenária Nacional de Mobilização

As centrais sindicais devem chamar uma Plenária Nacional de Mobilização

O governo Bolsonaro já está, de fato, no comando do país. Nenhuma medida do governo...

A “esquerda” legalizou o golpe “bolsonarista”

A “esquerda” legalizou o golpe “bolsonarista”

  Desde o impeachment de Dilma, que foi um golpe parlamentar, a direita apertou o...

Como lutar contra o governo Bolsonaro?

Como lutar contra o governo Bolsonaro?

As eleições de outubro de 2018 representaram uma das maiores fraudes dos últimos tempos. A...

Contra o golpe militar em andamento! Nenhum acordo com Bolsonaro!

Contra o golpe militar em andamento! Nenhum acordo com Bolsonaro!

No segundo turno das eleições presidenciais no Brasil, venceu a fraude eleitoral do imperialismo norte-americano,...

Against the military coup in progress

Against the military coup in progress

BRAZIL No agreements with Bolsonaro   In the second round of presidential elections in Brazil,...

28 de outubro - Eleições de carta marcada - 00confirma

28 de outubro - Eleições de carta marcada - 00confirma

Nos últimos dias antes das eleições, ficou claro que além de ser um circo eleitoral,...

Bolsonaro, o Trump brasileiro

Bolsonaro, o Trump brasileiro

Encontro de Eduardo Bolsonaro com Steve Bannon Foto: Reprodução A vitória de Donald Trump em...

Muito mais que eleições, os trabalhadores precisam se organizar para lutar

Muito mais que eleições, os trabalhadores precisam se organizar para lutar

Por Antônio Fernando Analisando a conjuntura atual, vemos que a crise do sistema, que só...

O PT como oposição golpista consentida

O PT como oposição golpista consentida

É importante fazer a discussão do processo eleitoral compreendendo o contexto do golpe de Estado...

Bolsonaro não é fascista! Pode ser uma ameaça ainda maior!

Bolsonaro não é fascista! Pode ser uma ameaça ainda maior!

Por Sergio Lessa Há uma enorme confusão na avaliação do cenário político nacional, nestes dias...

Por que a vitória de Bolsonaro é praticamente certa?

Por que a vitória de Bolsonaro é praticamente certa?

O grande ponto que deve ser avaliado, em se tratando das eleições no Brasil, é...

A saga de um traidor. Doria e sua política (neo) liberal

A saga de um traidor. Doria e sua política (neo) liberal

Por Florisvaldo Lopes     No debate realizado pela TV Bandeirantes, o candidato do PSDB...

Segundo turno. Duas caras da mesma moeda

Segundo turno. Duas caras da mesma moeda

Por Florisvaldo Lopes Após uma grande polarização entre Haddad (PT), uma aposta do imperialismo europeu,...

Haddad faz gol contra

Haddad faz gol contra

A campanha do PT no segundo turno está bem diferente da campanha do primeiro turno....

Haddad é Lula?

Haddad é Lula?

Recentemente apareceu nas notícias que Fernando Haddad teria visitado o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal...

Haddad, semeando derrotas

Haddad, semeando derrotas

A recente campanha de Fernando Haddad tem se mostrado um desastre completo que está conduzindo...

Haddad joga para perder

Haddad joga para perder

A campanha de Fernando Haddad, como candidato do Partido dos Trabalhadores (PT), no segundo turno...

Haddad joga para perder no 2º turno?

Haddad joga para perder no 2º turno?

    As eleições de 2018 acontecem como parte do processo golpista e servem para...

A delação de Palocci pode derrubar Haddad?

A delação de Palocci pode derrubar Haddad?

Recentemente foram liberadas pelo juiz Sergio Moro as delações do ex-ministro Antonio Palocci, há 6...

O STF e o Golpe

O STF e o Golpe

O golpe de Estado no Brasil progride com contradições, mas progride. Já temos falado várias...

Voto nulo nas eleições golpistas #00confirma

Voto nulo nas eleições golpistas #00confirma

Na semana passada foi realizada na grande mídia uma campanha de desconstrução da candidatura de...

Mudança imperialista aos 45 minutos do 1.º tempo do jogo político no Brasil.

Mudança imperialista aos 45 minutos do 1.º tempo do jogo político no Brasil.

Por Florisvaldo Lopes O imperialismo, principalmente o norte-americano, que deu o golpe na dita “democracia”...

Haddad “adotado” pelos Rothschild?

Haddad “adotado” pelos Rothschild?

É corrente nos meios de comunicação de massas a afirmação de que as eleições deste...

Rachaduras na candidatura Bolsonaro

Rachaduras na candidatura Bolsonaro

O evento mais importante da semana foi a matéria de capa da revista The Economist,...

O roteiro golpista no Brasil

O roteiro golpista no Brasil

O golpe de Estado deve ser visto como um processo que começa em 2005 na...

A candidatura Haddad e as eleições golpistas

A candidatura Haddad e as eleições golpistas

Esta semana tivemos a oportunidade de observar como a burguesia manipula o processo eleitoral especificamente...

América Latina rumo ao precipício

América Latina rumo ao precipício

A crise capitalista mundial tem forte influência no Brasil e na América Latina. O centro...

Bolsonaro e os militares

Bolsonaro e os militares

  Na atual conjuntura, é muito válida a célebre máxima do grande filósofo alemão Friedrich...

Haddad, Bolsonaro e o Golpe

Haddad, Bolsonaro e o Golpe

O “atentado” contra Jair Bolsonaro, candidato à presidência da República pelo Partido Social Liberal (PSL),...

Venezuela – qual o significado das novas medidas econômicas?

Venezuela – qual o significado das novas medidas econômicas?

  Entrou em vigor, no dia 20 de agosto, o pacote de medidas econômicas adotas...

Aos trabalhadores brasileiros

Aos trabalhadores brasileiros

Por Florisvaldo Lopes Caros camaradas, Nesse momento em nosso país enfrentamos uma das maiores crises...

Bolsonaro - mais que uma facada

Bolsonaro - mais que uma facada

O recente ataque a Bolsonaro durante caminhada em Juiz de Fora/MG, acabou representando todo um...

Como se posicionar nas eleições golpistas?  #00Confirma

Como se posicionar nas eleições golpistas? #00Confirma

O candidato tucano do PT, Fernando Haddad, pode até decolar, mas vai encontrar muitos ataques...

É ilusão pensar que é possível repetir o governo Lula

É ilusão pensar que é possível repetir o governo Lula

  A propaganda eleitoral do Partido dos Trabalhadores está calcada em cima da perseguição política...

Lula com 40% e o imperialismo ainda não definiu seu candidato

Lula com 40% e o imperialismo ainda não definiu seu candidato

  Lula é líder absoluto nas pesquisas de intenção de voto para presidente da república....

Haddad X Bolsonaro no 2º turno?   #00confirma

Haddad X Bolsonaro no 2º turno? #00confirma

  Esta semana, as pesquisas de intenção de voto à Presidência da República deram a...

O que revelam as pesquisas eleitorais - #00confirma

O que revelam as pesquisas eleitorais - #00confirma

A esquerda ligada à política eleitoreira e de conciliação de classes tem impulsionado uma série...

#00confirma

#00confirma

A ditadura do judiciário fica cada vez mais clara em todos os sentidos, apesar deste...

O imperialismo e os donos da padaria

O imperialismo e os donos da padaria

Para quem diz que Alckmin é o candidato natural do imperialismo tem de ver que...

Gazeta Revolucionária [pdf]

 gr19 capa

Números Anteriores


AcordaTI 01capa  


 Acorda Vargem Grande 0 capa


Acorda Educador 0 capa