Quinta, 13 Dezembro 2018

cheiadesi 

A situação nacional ainda está marcada pela ressaca do movimento dos caminhoneiros. Aumentou o desgaste do governo Temer e este só se mantém no cargo devido a que estamos a quatro meses das eleições e a burguesia está com um problema para emplacar um candidato.

A direita precisa de um candidato que possa canalizar a insatisfação popular e aplicar a política do imperialismo, de aprofundar o arrocho salarial e o desemprego e de entrega total da nossa economia aos bancos e às empresas transacionais e, ainda, sustentar essa política à força, se necessário.

Em relação às consequências do movimento dos caminhoneiros, agora fica claro que foi um movimento patronal. Todas as conquistas do lockout favoreceram a patronal. A única reivindicação que favorecia exclusivamente os caminhoneiros era o tabelamento do frete a um preço mínimo mais elevado.

E é justamente essa medida que foi bombardeada pelo agronegócio e pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) quando afirmam que com a nova tabela do frete aumentaria o custo de produção na medida em que aumentaria em até 150% o custo do frete.

O vai e vem do governo em relação à nova tabela do frete mostra toda a sua fraqueza. Para acabar com o movimento o governo cedeu tudo, inclusive uma nova tabela de preços mínimos para o frete.  Mas, com a grita geral do latifúndio, FIESP e CNI, o governo voltou atrás e na quinta-feira passada, dia 7 de junho, chegou a anunciar uma nova tabela com preços reduzidos em média 20%.  

Porém, não durou muito e retirou essa outra tabela e agora tenta negociar com os representantes dos caminhoneiros uma terceira versão da tabela do frete. Até o “Chorão”, o “líder autônomo”, como é chamado pela mídia (na verdade é um capanga do Ronaldo Caiado), apareceu na TV dizendo que tinha que baixar a tabela do frete, pois “na primeira versão o frete ficou muito alto”.

Mas a crise não é só do governo. Todos os partidos políticos estão desacreditados. Assim como todas as instituições do regime e do Estado estão desacreditadas. Isso fica bem claro com o resultado da pesquisa data folha do último domingo, 10 de junho:

72% consideram que a economia do país piorou e apenas 6% acham que melhorou;

55 % acham que as eleições não vão ajudar para melhorar a vida da população;

30% votam em Lula;  com 21% branco, nulo ou não sabe;

Sem Lula, branco, nulo ou não sabe, vai para 34%  (no nordeste chega a 43%).

Esses dados refletem a crise do regime político e de todos os partidos. Lula não é uma exceção. Lula é o Lula. Por isso está preso. Para não ser o novo presidente eleito.

Vejamos a crise dos partidos da esquerda:

PT sem Lula. Fernando Haddad 1%, Jaques Wagner 1%;

PSOL. Guilherme Boulos 1%;

PCdoB. Manuela d’Ávila1%;

PSTU. Vera Lúcia 0%;

PCO. Abriu mão da candidatura para apoiar o candidato do PT desde o 1º turno.

Esse quadro mostra o tamanho da crise da esquerda, que ela mesma se enterrou por abrir mão de encaminhar as mobilizações das massas para atuar prioritariamente no campo eleitoral. A crise da esquerda se aprofunda junto com a crise do regime político em geral, justamente porque ela optou por disputar a hegemonia parlamentar e não a direção das lutas dos trabalhadores.

Para essa esquerda, as lutas dos trabalhadores atrapalham o seu projeto, que não é encaminhar as lutas operárias de resistência aos ataques do capital, mas conquistar cadeiras no parlamento, cargos no Estado burguês, mesmo que tenham que fazer conchavos com a burguesia abandonando de vez toda independência da classe trabalhadora em relação à patronal.

Na verdade, todos os partidos de esquerda já deixaram de ser esquerda há muito tempo e a tendência é que cada vez mais se coliguem com os partidos burgueses tradicionais caindo na vala comum do fisiologismo e se afundando de vez numa crise sem volta.

A situação da esquerda é tão desmoralizante que não está descartado de, com a desculpa de combater Bolsonaro, se aliar a Ciro Gomes (PDT) ou Marina Silva (Rede) com a intenção de garantir algum tipo de favorecimento, de obter algum cargo que lhe renda algum privilégio.  

Essa esquerda é uma esquerda burocrática. Vende a própria mãe para ganhar um cargo de segundo, terceiro escalão no executivo, uma assessoria qualquer, um cargo no aparato sindical, no parlamento, etc. É uma esquerda parasita, que se gruda no aparato e não larga mais o osso.   

Apenas um grande ascenso do movimento de massas pode fazer mudar o rumo oportunista da esquerda brasileira. Quando os trabalhadores, em resposta aos ataques do capital, promoverem grandes manifestações de rua, superando o freio da burocracia sindical, toda a esquerda será afetada.

Todas as organizações serão ultrapassadas e a crise será tamanha que ocorrerão divisões, desagregações e reagrupamentos de tal forma que estará colocada a possibilidade de construção de partidos operários classistas e também de partidos operários revolucionários. A burocracia será superada pela própria classe em movimento e os trabalhadores avançarão na sua luta e na sua organização.

+ Política

O que está acontecendo na França?

O que está acontecendo na França?

Os protestos que têm acontecido na França nas últimas semanas representam um dos principais sintomas...

A classe operária entrará em movimento?

A classe operária entrará em movimento?

A situação de levante popular na França indica uma mudança na situação da luta de...

A crise do lulismo e a luta dos trabalhadores

A crise do lulismo e a luta dos trabalhadores

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, liberou esta semana o julgamento de...

O fim do Lulismo

O fim do Lulismo

  A condenação de Lula de 12 anos e 1 mês de prisão por corrupção...

Liberdade para Lula!  Fora Bolsonaro e o golpe militar!

Liberdade para Lula! Fora Bolsonaro e o golpe militar!

O depoimento de Lula no dia 14 de novembro, sobre o processo do sítio de...

Militares brasileiros, nacionalistas ou golpistas?

Militares brasileiros, nacionalistas ou golpistas?

A vitória de Jair Bolsonaro no Brasil faz parte da guerra “silenciosa” (híbrida, assíncrona, ou...

Dia de luta contra a Reforma da Previdência de Bolsonaro/Paulo Guedes

Dia de luta contra a Reforma da Previdência de Bolsonaro/Paulo Guedes

  A chapa Bolsonaro/Paulo Guedes venceu as eleições presidenciais de 2018 porque o PT, apoiado...

Agora como farsa?

Agora como farsa?

Por Paulo Uribe A partir de golpe de Estado, em 31 de março de 1964,...

Golpe militar em andamento. O que fazer?

Golpe militar em andamento. O que fazer?

Os ataques contra os trabalhadores vêm de maneira acelerada com o governo Bolsonaro. Praticamente todos...

“Lei do Abate”, autonomia da polícia

“Lei do Abate”, autonomia da polícia

Quais as consequências para os trabalhadores e a população pobre e negra dos subúrbios? Por...

As centrais sindicais devem chamar uma Plenária Nacional de Mobilização

As centrais sindicais devem chamar uma Plenária Nacional de Mobilização

O governo Bolsonaro já está, de fato, no comando do país. Nenhuma medida do governo...

A “esquerda” legalizou o golpe “bolsonarista”

A “esquerda” legalizou o golpe “bolsonarista”

  Desde o impeachment de Dilma, que foi um golpe parlamentar, a direita apertou o...

Como lutar contra o governo Bolsonaro?

Como lutar contra o governo Bolsonaro?

As eleições de outubro de 2018 representaram uma das maiores fraudes dos últimos tempos. A...

Contra o golpe militar em andamento! Nenhum acordo com Bolsonaro!

Contra o golpe militar em andamento! Nenhum acordo com Bolsonaro!

No segundo turno das eleições presidenciais no Brasil, venceu a fraude eleitoral do imperialismo norte-americano,...

Against the military coup in progress

Against the military coup in progress

BRAZIL No agreements with Bolsonaro   In the second round of presidential elections in Brazil,...

28 de outubro - Eleições de carta marcada - 00confirma

28 de outubro - Eleições de carta marcada - 00confirma

Nos últimos dias antes das eleições, ficou claro que além de ser um circo eleitoral,...

Bolsonaro, o Trump brasileiro

Bolsonaro, o Trump brasileiro

Encontro de Eduardo Bolsonaro com Steve Bannon Foto: Reprodução A vitória de Donald Trump em...

Muito mais que eleições, os trabalhadores precisam se organizar para lutar

Muito mais que eleições, os trabalhadores precisam se organizar para lutar

Por Antônio Fernando Analisando a conjuntura atual, vemos que a crise do sistema, que só...

O PT como oposição golpista consentida

O PT como oposição golpista consentida

É importante fazer a discussão do processo eleitoral compreendendo o contexto do golpe de Estado...

Bolsonaro não é fascista! Pode ser uma ameaça ainda maior!

Bolsonaro não é fascista! Pode ser uma ameaça ainda maior!

Por Sergio Lessa Há uma enorme confusão na avaliação do cenário político nacional, nestes dias...

Por que a vitória de Bolsonaro é praticamente certa?

Por que a vitória de Bolsonaro é praticamente certa?

O grande ponto que deve ser avaliado, em se tratando das eleições no Brasil, é...

A saga de um traidor. Doria e sua política (neo) liberal

A saga de um traidor. Doria e sua política (neo) liberal

Por Florisvaldo Lopes     No debate realizado pela TV Bandeirantes, o candidato do PSDB...

Segundo turno. Duas caras da mesma moeda

Segundo turno. Duas caras da mesma moeda

Por Florisvaldo Lopes Após uma grande polarização entre Haddad (PT), uma aposta do imperialismo europeu,...

Haddad faz gol contra

Haddad faz gol contra

A campanha do PT no segundo turno está bem diferente da campanha do primeiro turno....

Haddad é Lula?

Haddad é Lula?

Recentemente apareceu nas notícias que Fernando Haddad teria visitado o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal...

Haddad, semeando derrotas

Haddad, semeando derrotas

A recente campanha de Fernando Haddad tem se mostrado um desastre completo que está conduzindo...

Haddad joga para perder

Haddad joga para perder

A campanha de Fernando Haddad, como candidato do Partido dos Trabalhadores (PT), no segundo turno...

Haddad joga para perder no 2º turno?

Haddad joga para perder no 2º turno?

    As eleições de 2018 acontecem como parte do processo golpista e servem para...

A delação de Palocci pode derrubar Haddad?

A delação de Palocci pode derrubar Haddad?

Recentemente foram liberadas pelo juiz Sergio Moro as delações do ex-ministro Antonio Palocci, há 6...

O STF e o Golpe

O STF e o Golpe

O golpe de Estado no Brasil progride com contradições, mas progride. Já temos falado várias...

Voto nulo nas eleições golpistas #00confirma

Voto nulo nas eleições golpistas #00confirma

Na semana passada foi realizada na grande mídia uma campanha de desconstrução da candidatura de...

Mudança imperialista aos 45 minutos do 1.º tempo do jogo político no Brasil.

Mudança imperialista aos 45 minutos do 1.º tempo do jogo político no Brasil.

Por Florisvaldo Lopes O imperialismo, principalmente o norte-americano, que deu o golpe na dita “democracia”...

Haddad “adotado” pelos Rothschild?

Haddad “adotado” pelos Rothschild?

É corrente nos meios de comunicação de massas a afirmação de que as eleições deste...

Rachaduras na candidatura Bolsonaro

Rachaduras na candidatura Bolsonaro

O evento mais importante da semana foi a matéria de capa da revista The Economist,...

O roteiro golpista no Brasil

O roteiro golpista no Brasil

O golpe de Estado deve ser visto como um processo que começa em 2005 na...

A candidatura Haddad e as eleições golpistas

A candidatura Haddad e as eleições golpistas

Esta semana tivemos a oportunidade de observar como a burguesia manipula o processo eleitoral especificamente...

América Latina rumo ao precipício

América Latina rumo ao precipício

A crise capitalista mundial tem forte influência no Brasil e na América Latina. O centro...

Bolsonaro e os militares

Bolsonaro e os militares

  Na atual conjuntura, é muito válida a célebre máxima do grande filósofo alemão Friedrich...

Haddad, Bolsonaro e o Golpe

Haddad, Bolsonaro e o Golpe

O “atentado” contra Jair Bolsonaro, candidato à presidência da República pelo Partido Social Liberal (PSL),...

Venezuela – qual o significado das novas medidas econômicas?

Venezuela – qual o significado das novas medidas econômicas?

  Entrou em vigor, no dia 20 de agosto, o pacote de medidas econômicas adotas...

Aos trabalhadores brasileiros

Aos trabalhadores brasileiros

Por Florisvaldo Lopes Caros camaradas, Nesse momento em nosso país enfrentamos uma das maiores crises...

Bolsonaro - mais que uma facada

Bolsonaro - mais que uma facada

O recente ataque a Bolsonaro durante caminhada em Juiz de Fora/MG, acabou representando todo um...

Como se posicionar nas eleições golpistas?  #00Confirma

Como se posicionar nas eleições golpistas? #00Confirma

O candidato tucano do PT, Fernando Haddad, pode até decolar, mas vai encontrar muitos ataques...

É ilusão pensar que é possível repetir o governo Lula

É ilusão pensar que é possível repetir o governo Lula

  A propaganda eleitoral do Partido dos Trabalhadores está calcada em cima da perseguição política...

Lula com 40% e o imperialismo ainda não definiu seu candidato

Lula com 40% e o imperialismo ainda não definiu seu candidato

  Lula é líder absoluto nas pesquisas de intenção de voto para presidente da república....

Haddad X Bolsonaro no 2º turno?   #00confirma

Haddad X Bolsonaro no 2º turno? #00confirma

  Esta semana, as pesquisas de intenção de voto à Presidência da República deram a...

O que revelam as pesquisas eleitorais - #00confirma

O que revelam as pesquisas eleitorais - #00confirma

A esquerda ligada à política eleitoreira e de conciliação de classes tem impulsionado uma série...

#00confirma

#00confirma

A ditadura do judiciário fica cada vez mais clara em todos os sentidos, apesar deste...

O imperialismo e os donos da padaria

O imperialismo e os donos da padaria

Para quem diz que Alckmin é o candidato natural do imperialismo tem de ver que...

O circo eleitoral

O circo eleitoral

O ponto que devemos destacar nessa semana é a continuidade do circo eleitoral. O debate...

Gazeta Revolucionária [pdf]

 gr19 capa

Números Anteriores


AcordaTI 01capa  


 Acorda Vargem Grande 0 capa


Acorda Educador 0 capa