Domingo, 20 Maio 2018

veneno

Arnaldo Alves tem 55 anos e mora no município de Caculé, no sul da Bahia. Trabalhador rural desde o dia que nasceu. Até a década de 1980, tinha a enxada como sua principal ferramenta de trabalho. O machado, a foice e o ferro de cortar arroz também eram suas ferramentas, embora menos usadas. Até essa época, praticamente não se usava adubo para nenhuma das plantações como arroz, feijão, milho, mandioca ou fumo. Escolhia-se as boas terras e nela cultivava-se dez, doze ou mais anos. Em seguida, eram transformadas em pastagens. Arnaldo tem oito irmãos; 5 mais velhos e 3 mais novos que ele. Todos roceiros. Homens e mulheres. Meninos e meninas. Em 2017, só ele continua na lavoura; os outros foram trabalhar em cidades próximas.

A capina das roças de milho, feijão e arroz aconteciam nos meses chuvosos de outubro, novembro e dezembro. Janeiro ainda chovia muito. Todos faziam troca de dia, a turma toda, uns 20 ou 30 homens faziam aquele mutirão e capinavam uma roça em dois ou três dias; dependia do tamanho e das exigências do dono. Mas o dono das terras era o fazendeiro, proprietário de 100, 200, 300 alqueires (mineiros) ou mais, que arrendava a troco de um terço do que era produzido. O trabalhador rural fazia tudo, da preparação da terra, cerca, plantio, capina, colheita até colocar no paiol do proprietário de terras. Este não precisava trabalhar; tinha muitos com terra nenhuma ou com pouca terra para sobreviver. As ferramentas eram para o cultivo e as mais simples possíveis, uma extensão mesmo do braço e da mão. A terra erva virada com um arado puxado por quatro ou seis bois, enquanto o candeeiro ia à frente, geralmente o mais novo; não raras vezes uma criança, o adulto segurava o arado com maestria para não deixar quebrar-lhe o bico nas raízes ou pedras que ainda ficavam no solo.

A alimentação da família era farta mas com pouca variedade. Criava-se galinhas e alguns porcos, pois tudo era cozinho na banha de porco. A carne era cozida e conservada dentro de uma lata no meio da banha, por isso a famosa carne de lata do interior. Enfim a vida era muito simples e as condições precárias. Nunca houve tempo bom para o trabalhador rural num país que sequer fez reforma agrária.

O sonho da maioria dos trabalhadores rurais era que pelo menos seus filhos não permanecessem na roça. Uma pequena minoria engajada em movimentos sociais no campo é que despertava para a necessidade de uma revolução, onde cada um pudesse ter sua própria terra e condições para produzir nela. Esse sonho meio que se realizou por caminhos tortos. Grande parte da população rural foi obrigada a migrar para as cidades e vender lá sua força de trabalho por valores muito baixos.

Começa a “Revolução Verde” 

Foi na década de 1970 que a população urbana ultrapassou a rural e foi nessa década que foi lançado um veneno muito conhecido hoje pelo nome de Roundup (pronuncia-se 'ráund-ap'). Hoje seu uso é generalizado e não apenas os agricultores têm feito uso extensivo deste produto. Também na cidade ele tem sido usado até para fazer a “limpeza” de terrenos baldios, calçadas, ruas com paralelepípedos, pequenas hortas, etc. O pequeno agricultor se vê obrigado à usá-lo sob pena de não poder manter suas plantações visto que é incapaz de pagar por mão de obra.

O Roundup é um pesticida produzido pela empresa Monsanto. Na década de 1990, vieram os grãos geneticamente modificados capazes de suportar grandes quantidades do veneno no combate ervas daninhas. De lá pra cá, a Monsanto fez muita propaganda enganosa a respeito do veneno inclusive de que ele seria biodegradável; mas após ser condenada na França e nos próprios Estados Unidos, a empresa foi obrigada a retirar do rótulo das embalagens a falsa informação.

Paralelamente a difusão do veneno, pequenas, mas sérias pesquisas, quase sempre negligenciadas pelas autoridades, foram mostrando a relação entre o seu uso e diversas doenças como Alzheimer, autismo, anencefalia, câncer (cerebral, de mama, intestinal etc.), diabetes, depressão, doenças cardíacas e hepáticas, doença de Parkinson, doenças respiratórias e muitas outras. Em 2009, o francês Gilles-Eric Séralini, professor de biologia molecular, publicou sua pesquisa feita com células de recém-nascidos, onde constatou que o Roundup matava as células em poucas horas.

A Monsanto produz para matar

“A Companhia Monsanto é uma indústria multinacional de agricultura e biotecnologia. Situada nos Estados Unidos é a líder mundial na produção do herbicida glifosato, vendido sob a marca Roundup. Também é, de longe, o produtor líder de sementes geneticamente modificadas (transgênicos), respondendo por 70% a 100% do market share para variadas culturas…. Hoje já está dominando o mundo.” (Wikipedia.com) É a maior produtora de herbicidas do mundo.

Durante a Guerra do Vietnam (1961-71), os Estados Unidos usaram cerca de 100 milhões de litros do chamado “Agente Laranja” que era pulverizado nas florestas para desfolhar as árvores e tirar a camuflagem dos Vietcongs. Até hoje os efeitos das dioxinas (um tipo de toxina) podem ser verificados na população bem como nos veteranos de guerra que solicitaram pesquisas para entrarem com pedidos de indenizações. Entre as desgraças mais comuns foram detectados problemas respiratórios e câncer. Hoje pesquisas feitas por cientistas norte-americanos relacionam as altas taxas de crianças com síndrome de Down e desfiguração facial extrema entre as crianças vietnamitas (estimativas apontam 150 mil), quase cinquenta anos após o fim da guerra. A Monsanto e a Dow Chemicals eram quem produziam essas toxinas para serem despejadas sobre a população vietnamita.

Contudo, além do uso diretamente na guerra, com o objetivo de matar, a Monsanto produz herbicidas que têm envenenado o meio ambiente, a população em geral e causado enormes danos a saúde humana e de outros animais.

Lei de “Cultivares” 

Em 1997 foi aprovada no Brasil a Lei de Proteção de Cultivares (LEI Nº 9.456 de 25.04.97), sob o pretexto de que as empresas que fazem pesquisas de plantas gastam milhões, a lei proíbe que os agricultores tenham e retirem sementes das suas próprias plantações. Ou seja, todos têm que comprar a semente da empresa que investiu na pesquisa naquela planta. Ficou estabelecido, portanto, o monopólio privado da propriedade dos vegetais no Brasil. Imediatamente a Monsanto se pôs a comprar empresas brasileiras como a Paraná Sementes e a Agroceres.

Tornando-se praticamente um monopólio da Monsanto toda a produção de sementes e pesquisas no Brasil, foi bastante propagandeado que a Lei de Proteção de Cultivares não era como a lei de patentes, pois outras instituições e pessoas poderiam usar aquela planta geneticamente modificada para produzir outra mais “evoluída”, nada mais falso porque a Monsanto praticamente ficou sem concorrentes. Por enquanto, não é uma legislação que abrange todos os tipos de vegetais, mas é claro que a Monsanto trabalha neste sentido.

Hoje o Glifosato (Roundup) é o agrotóxico mais usado no Brasil, compatível com as sementes geneticamente modificadas pela Monsanto, Syngenta, Bayer, Basf, Dow e Dupont.  Diversos organismos científicos e políticos têm tentando a sua proibição mundo afora, mas o peso das grandes multinacionais se vê pelo nome. O lucro mais uma vez se sobrepõe a qualquer vantagem sobre a saúde dos seres humanos e do Planeta. Esse é o modelo do agronegócio que comemora recordes de produção com o uso de mais de centenas de toneladas de agrotóxicos nos plantios. Assim vão alimentando a pobreza até ver o que faz com ela; os ricos podem pagar e consomem somente produtos orgânicos.

+ Política

O resto do mundo e o Oriente Médio

O resto do mundo e o Oriente Médio

Ao aprofundamento da crise capitalista nos países desenvolvidos tem se somado a crise de países...

O aprofundamento da crise na América Latina

O aprofundamento da crise na América Latina

    No Brasil, em 1997, houve uma situação parecida com a da Argentina hoje,...

Geraldo Alkmin, dois passos para o alvo

Geraldo Alkmin, dois passos para o alvo

  Agora, o que está acontecendo, dentro da caixa de Pandora aberta pela Operação Lava...

Mortes e prisões no dia do trabalhador

Mortes e prisões no dia do trabalhador

  A política oficial do PT teve como resultado um 1 º de maio, em...

O desespero petista

O desespero petista

    O 1 º de maio de 2018 representou um divisor de águas, marcou...

Quem poderia atender melhor o imperialismo?

Quem poderia atender melhor o imperialismo?

Há uma luta entre alas da burguesia. A Procuradora-Geral da República, Raquel Dodge, aderiu ao...

O primeiro motor do golpe

O primeiro motor do golpe

De acordo com a revista The Economist, de 28 de janeiro de 2017, a taxa...

Um golpe sem pausas

Um golpe sem pausas

    No último período, o golpe de Estado no Brasil, continua se desenvolvendo a...

A América Latina nas garras do imperialismo

A América Latina nas garras do imperialismo

A política do imperialismo norte-americano para a América Latina é única. Não se trata de...

O imperialismo quer um Bonaparte para governar o Brasil

O imperialismo quer um Bonaparte para governar o Brasil

Além do que está na linha de frente do golpismo, há o que está na...

A insustentável defesa do menchevismo

A insustentável defesa do menchevismo

As atividades do 1º de maio de 2018 demonstraram o fracasso absoluto da frente popular,...

A paralisia vai durar até quando?

A paralisia vai durar até quando?

  Até esse momento, o imperialismo ainda não impulsionou grandes mobilizações de massas dirigidas pela...

Não se trata da luta do bem contra o mal

Não se trata da luta do bem contra o mal

  O imperialismo organiza sua política para aumentar os ataques contra as massas A esperança...

1º de Maio de 2018 foi um fiasco no Brasil

1º de Maio de 2018 foi um fiasco no Brasil

   O fiasco do 1º de Maio no Brasil mostrou a evidente crise da política...

O fim do governo Temer e a prisão de Aécio Neves

O fim do governo Temer e a prisão de Aécio Neves

  A crise política avança no Brasil. O governo Temer está liquidado. Tanto é assim...

Três projetos políticos que enganaram o povo brasileiro

Três projetos políticos que enganaram o povo brasileiro

Por Florisvaldo Lopes Claro que desde sempre o eleitor é enganado com os discursos demagógicos...

Governo Pimentel, a ex-querda capitalista

Governo Pimentel, a ex-querda capitalista

O governo de Fernando Pimentel (PT) é uma lástima e de uma venalidade impressionante. Fingindo...

O ovo da serpente contra a noite dos proletários

O ovo da serpente contra a noite dos proletários

Tudo na vida e na sociedade nasce, evolui, chega à sua maturidade e depois entra...

Frente ampla com Ciro Gomes e outros golpistas

Frente ampla com Ciro Gomes e outros golpistas

No atual cenário político, com Lula fora do cenário eleitoral, os candidatos que realmente têm...

A crise material da política de frente popular

A crise material da política de frente popular

No Brasil, a política de frente popular começou a entrar em crise de maneira muito...

Bashar al-Assad, Putin, Xi Jinping, Lula – Que defesa?

Bashar al-Assad, Putin, Xi Jinping, Lula – Que defesa?

Uma coisa interessante é que o bombardeio da Síria pelos Estados Unidos, França e Reino...

O declínio da frente popular e a prisão de Lula - I

O declínio da frente popular e a prisão de Lula - I

A prisão de Lula e os acontecimentos da Síria com o bombardeio recente dos Estados...

A crise do Oriente Médio no contexto mundial

A crise do Oriente Médio no contexto mundial

Temos observado na imprensa capitalista mundial que os Estados Unidos tenta fazer uma campanha contra...

A crise mundial e a implosão do PT

A crise mundial e a implosão do PT

Em 2012, a política de contenção da crise mundial acabou fracassando. A tentativa de contê-la...

O nacionalismo do PT

O nacionalismo do PT

A política do PT no governo gerou algumas contradições, embora que pequenas, com o imperialismo....

As leis do capital em ação

As leis do capital em ação

O desenvolvimento tecnológico é imposto pela própria concorrência capitalista porque, se ele não avançar, leva...

Série: Golpe de Estado

Série: Golpe de Estado

O efeito borboleta e a prisão de Lula  Recentemente a prisão de Lula ocorreu da...

O efeito borboleta e a prisão de Lula

O efeito borboleta e a prisão de Lula

Recentemente a prisão de Lula ocorreu da maneira mais incrível e, para os analistas mais...

O imperialismo no epicentro dos golpes

O imperialismo no epicentro dos golpes

No Brasil, o imperialismo norte-americano depôs a presidenta Dilma Rousseff, encarcerou o ex presidente Lula...

Contra Lula e Temer: a mesma política imperialista na América Latina

Contra Lula e Temer: a mesma política imperialista na América Latina

    Neste momento após o indeferimento do habeas corpus do ex-presidente Lula no STF...

Construir um partido para a revolução e não para a eleição

Construir um partido para a revolução e não para a eleição

Um fantasma gerado pela maior crise econômica do capitalismo ronda o mundo, uma guerra catastrófica...

Todos às ruas para barrar o avanço do golpe de Estado!

Todos às ruas para barrar o avanço do golpe de Estado!

O sinistro juiz Sérgio Moro não perdeu tempo para expedir a ordem de prisão de...

STF nega Habeas Corpus para Lula

STF nega Habeas Corpus para Lula

GOLPE DE ESTADO DÁ UM PASSO ADIANTE O Supremo Tribunal Federal em sessão plenária realizada...

A crise capitalista se espalha

A crise capitalista se espalha

Recentemente, fomos surpreendidos pela prisão dos amigos do presidente da República do Brasil, Michel Temer,...

A prisão dos amigos de Michel Temer

A prisão dos amigos de Michel Temer

O que significa a prisão dos amigos de Temer envolvidos no esquema de propinas recebidas...

Racha no STF eleva a crise às alturas

Racha no STF eleva a crise às alturas

O racha no Supremo Tribunal Federal (STF) ficou evidente e sua crise foi às alturas...

As eleições sem Lula e o golpe militar

As eleições sem Lula e o golpe militar

  Quatro pontos devem ser considerados na hora de avaliar essas duas questões. Em primeiro...

A crise do STF e a luta de classes

A crise do STF e a luta de classes

O fato de não ter ocorrido a reunião informal dos ministros do STF marcada para...

O governo do PT e o golpe contra os trabalhadores

O governo do PT e o golpe contra os trabalhadores

As coisas devem ser analisadas como elas são, a política vai avançando conforme a evolução...

Concentração da crise no governo federal

Concentração da crise no governo federal

A crise se concentra justamente no governo federal. Um caso que ilustra bem essa realidade...

 O assassinato da vereadora do PSOL no Rio  e a reação errada da esquerda

O assassinato da vereadora do PSOL no Rio e a reação errada da esquerda

  O assassinato de Marielle Franco, vereadora do Rio de Janeiro, do PSOL, representa mais...

Combate ao tráfico é novo álibi do golpe

Combate ao tráfico é novo álibi do golpe

Chama muito a atenção que o ministro do STF, Luís Roberto Barroso, tenha partido para...

A prisão de Lula e a ditadura do Judiciário

A prisão de Lula e a ditadura do Judiciário

Cada vez fica mais claro que o estado de exceção que existe hoje no Brasil...

A classe operária está morta?

A classe operária está morta?

No Brasil, somados a todos os ataques que o imperialismo impõe que sejam aplicados, como...

América Latina, a onda agora é contra o crime organizado

América Latina, a onda agora é contra o crime organizado

O aprofundamento da crise capitalista se reflete em todas as regiões do mundo, inclusive na...

Mar do Sul da China, uma zona de risco

Mar do Sul da China, uma zona de risco

O aprofundamento da crise também se revela na crise do imperialismo no Mar do Sul...

Os gasodutos da discórdia

Os gasodutos da discórdia

Como explicar as contradições entre a Administração Trump e a Rússia, sendo que Trump tentou...

Os deslocamentos na Síria e região

Os deslocamentos na Síria e região

No Oriente Médio, a crise escala em cima da Síria e do Iêmen. O governo...

Incertezas europeias

Incertezas europeias

Na Europa, a situação é dramática. Após as eleições de outubro na Alemanha, a principal...

A dramática crise nos Estados Unidos

A dramática crise nos Estados Unidos

A crise capitalista nos Estados Unidos é dramática. O endividamento é enorme. A dívida pública...

Nacional

Geraldo Alkmin, dois passos para o alvo

11 Maio 2018
Geraldo Alkmin, dois passos para o alvo

  Agora, o que está acontecendo, dentro da caixa de Pandora aberta pela Operação Lava Jato, é que os procuradores querem ir além do PT porque são elementos, no geral,...

Mortes e prisões no dia do trabalhador

11 Maio 2018
Mortes e prisões no dia do trabalhador

  A política oficial do PT teve como resultado um 1 º de maio, em 2018, tão comportado que, além de ter sido um desastre, ninguém chegou a ser preso....

O desespero petista

11 Maio 2018
O desespero petista

    O 1 º de maio de 2018 representou um divisor de águas, marcou o colapso da política de “frente popular”, encabeçada pelo PT. A esquerda burguesa e pequeno...

Quem poderia atender melhor o imperialismo?

11 Maio 2018
Quem poderia atender melhor o imperialismo?

Há uma luta entre alas da burguesia. A Procuradora-Geral da República, Raquel Dodge, aderiu ao golpe e à “teoria do domínio do fato” de mala e cuia. Aquela estória de...

Não se trata da luta do bem contra o mal

04 Maio 2018
Não se trata da luta do bem contra o mal

  O imperialismo organiza sua política para aumentar os ataques contra as massas A esperança da “frente popular” de que o órgão do Judiciário A, B ou C, venha a...

Educação

Fatiamento na luta da educação em Belo horizonte

09 Maio 2018
Fatiamento na luta da educação em Belo horizonte

  A Educação Infantil está em greve desde o dia 23 de março em busca de melhores salários e condições de trabalho. Na última assembleia foi rejeitada a proposta do...

A greve da Educação Infantil continua em Belo Horizonte

03 Maio 2018
A greve da Educação Infantil continua em Belo Horizonte

Dia 03 de maio de 2018 – 7º dia de greve da Educação Infantil em BH Alexandre Kalil (o Kalílgula), prefeito de Belo Horizonte, mandou um recado para as professoras...

Corre a repressão sobre os educadores em Belo Horizonte

23 Abril 2018
Corre a repressão sobre os educadores em Belo Horizonte

No fim do ano de 2017, em Belo Horizonte, o prefeito Alexandre kalil (PHS), uma espécie de Dória mineiro, resolveu abrir mais vagas na Educação Infantil e para isso utilizou-se...

"É que Narciso acha feio o que não é espelho"

22 Abril 2018
"É que Narciso acha feio o que não é espelho"

  "É que Narciso acha feio o que não é espelho" Caetano Veloso    Na semana passada, na tentativa de dar respostas à insatisfação da categoria com o governo Fernando Pimentel...

MORENO COMO VOCÊS? O REI SE INCLINA E MATA

19 Abril 2018
MORENO COMO VOCÊS? O REI SE INCLINA E MATA

Termina a greve dos educadores de Minas Gerais   No dia 18 de abril de 2018, com uma assembleia lotada, mas menor que as anteriores, foi aprovado o fim da...

Gazeta Revolucionária [pdf]

Saiba Mais

A economia vai de mal...

  A inflação no Brasil teria caído para 3%, segundo...

A mais-valia ameaçada

Com o aprofundamento da crise mundial, a margem de manobra...

Bashar al-Assad, Putin, Xi Jinping,...

Uma coisa interessante é que o bombardeio da Síria pelos...

As guerras híbridas

Trata-se de um método imperialista para atacar os países sem...

A crise da direita tradicional

A direita tradicional passou a ser colocada pelo imperialismo na...