Domingo, 22 Abril 2018

vazio

 

O movimento de massas que se encontra em refluxo há mais de três décadas em escala mundial, continuará em refluxo? Por quanto tempo? Para sempre? É possível que os trabalhadores se levantem em algum momento?

É impossível que um polo de qualquer fenômeno social, da sociedade como um todo, exista sem um outro polo. A ideia hiper oportunista de que a classe operária não existe mais é absolutamente ridícula. Nenhum polo existe sozinho. Existiria a burguesia e não existiria a classe operária? Essa ideia é absurda. Tudo existe conforme Hegel já tinha escrito em detalhes no livro A Fenomenologia do Espírito e nos três livros que compõem a Ciência da Lógica,  tudo existe como união e luta de contrários.

A burguesia não consegue existir sem o proletariado. A classe operária também não consegue existir sem a burguesia. Essas duas classes sociais estão em luta, apesar da luta também existir entre as frações de classe. E é essa luta que leva à movimentação da sociedade para a frente. Se não houvesse luta de contrários não haveria movimento, não haveria progresso.

Confunde muito o fato da classe operária se encontrar paralisada há três décadas. O que aparece mais hoje é a luta entre as frações de classe da burguesia. Mas até quando irá acontecer essa situação? Os trabalhadores chineses que ganhavam US$ 30 mensais já não existem mais. Os que vieram depois da queda do dito bloco socialista também não existem mais. Não existe também uma política alternativa para o neoliberalismo. E como o grande capital, que não consegue mais extrair lucros da produção, irá fazer?

Mas é a crise econômica o que colocará em movimento a classe operária; são os ataques do capital. O papel dos revolucionários passa por estruturar uma política revolucionária para o movimento de massas e divulgá-la por meio de uma propaganda e agitação cotidiana e paciente.

Por que o governo Temer ainda não caiu?

 A especulação financeira também está engasgando. Por isso, o grande capital precisa ir para cima dos trabalhadores, para retirar-lhes todos os direitos. E os trabalhadores não vão reagir? Ou seja, somente um polo da equação que seria o polo do capital, a burguesia, vai continuar atuando perante uma passividade total do proletariado? Essa visão é completamente absurda.

A crise econômica que está tendendo a se transformar rapidamente num grande colapso capitalista mundial, um novo colapso onde o Brasil estará na linha de frente, leva ao aprofundamento da crise política. O governo Temer, por exemplo, está se segurando por um fio. Ele conseguiu segurar o movimento sindical e a greve dos trabalhadores dos Correios, por meio da promessa de regulamentar a contribuição assistencial e de conchavos com a burocracia sindical contrarrevolucionária.

O governo Temer somente não caiu porque a extrema direita está muito fraca e não tem o que por, por enquanto, no lugar. E quando ela tenta impor alguma coisa, por exemplo, como aconteceu com as delações da JBS, tem dificuldades para avançar. Por exemplo, recentemente, a Operação Lava Jato trouxe à tona as delações de José Yunes, o operador do PMDB e do próprio Michel Temer. Só com essas delações daria para derrubar Michel Temer imediatamente. Por que não fazem isso?

Há uma situação de muita crise e a burguesia tem medo de avançar para o que seria a terceira fase do golpe, que só pode ser, depois do golpe parlamentar e do Estado de exceção do Judiciário, um golpe de cunho bonapartista, por fora do regime parlamentar, uma ditadura da burocracia estatal, da polícia e do Exército. Nesse sentido, o que nós temos é que Temer está fazendo uma reforma política e daí surge aquela visão, da esquerda inclusive, de que Temer está atacando os trabalhadores com força; por isso, para que tirá-lo fora?

A reforma trabalhista é muito insuficiente para o grande capital diante do que ele precisa. A reforma política que está para ser aprovada já tem uma série de problemas, o endurecimento do regime, uma cláusula de barreira, o fim das coligações a partir de 2020, mas não passou o voto distrital, ainda vão ficar 20 partidos políticos e o PMDB, o PT, o PSDB, o PSB e o PP, que se encontram na mira da Lava Jato, ainda vão continuar fortes.

Nacional

Todos às ruas para barrar o avanço do golpe de Estado!

07 Abril 2018
Todos às ruas para barrar o avanço do golpe de Estado!

O sinistro juiz Sérgio Moro não perdeu tempo para expedir a ordem de prisão de Lula, logo após receber ofício do TRF-4 que autorizava a decretação da prisão um dia...

A prisão dos amigos de Michel Temer

03 Abril 2018
A prisão dos amigos de Michel Temer

O que significa a prisão dos amigos de Temer envolvidos no esquema de propinas recebidas devido ao favorecimento de empresas que operam no porto de Santos? Será que é uma...

As eleições sem Lula e o golpe militar

22 Março 2018
As eleições sem Lula e o golpe militar

  Quatro pontos devem ser considerados na hora de avaliar essas duas questões. Em primeiro lugar a prisão de Lula. Em segundo lugar o assassinato da vereadora do Rio de...

Educação

"É que Narciso acha feio o que não é espelho"

22 Abril 2018
"É que Narciso acha feio o que não é espelho"

  "É que Narciso acha feio o que não é espelho" Caetano Veloso    Na semana passada, na tentativa de dar respostas à insatisfação da categoria com o governo Fernando Pimentel...

MORENO COMO VOCÊS? O REI SE INCLINA E MATA

19 Abril 2018
MORENO COMO VOCÊS? O REI SE INCLINA E MATA

Termina a greve dos educadores de Minas Gerais   No dia 18 de abril de 2018, com uma assembleia lotada, mas menor que as anteriores, foi aprovado o fim da...

Greve da educação em Minas Gerais continua apesar do derrotismo do sindicato

11 Abril 2018
Greve da educação em Minas Gerais continua apesar do derrotismo do sindicato

PEC para fazer cumprir Lei Federal é golpe para acabar com a greve No dia 10 de abril de 2018, diante da intransigência do governo Fernando Pimentel (PT), que não...

Gazeta Revolucionária [pdf]

Saiba Mais

Bashar al-Assad, Putin, Xi Jinping,...

Uma coisa interessante é que o bombardeio da Síria pelos...

As guerras híbridas

Trata-se de um método imperialista para atacar os países sem...

A crise da direita tradicional

A direita tradicional passou a ser colocada pelo imperialismo na...

O efeito colateral na esquerda

O movimento de massas está paralisado no Brasil e mesmo...

A morte terceirizada no Carnaval...

No último Domingo dia 04/02 o jovem Lucas Antônio Lacerda...