Quarta, 16 Janeiro 2019

 

 

Contra a agressão imperialista à Venezuela!

Que Maduro arme todos os trabalhadores!

 venezoelanos

portugues  espanha   inglaterra

 

A situação na Venezuela é gravíssima. A ameaça de intervenção norte-americana é cada vez mais evidente e devemos todos cerrar fileiras em defesa da Venezuela, contra a agressão imperialista.

A crise econômica mundial vem se aprofundando de tal maneira que provoca um desespero total nos países imperialistas, que para conquistar fatias de mercado para tentar conter a tendência pronunciada da queda da taxa média de lucro de seus monopólios, promovem uma guerra comercial envolvendo os países imperialistas, a China e a Rússia, principalmente.

No caso da América Latina, a política do imperialismo norte-americano não é de guerra comercial, mas sim de guerra híbrida, que são métodos militares sem uso de tropas armadas, para controlar o regime político de cada país e assim promover uma extração maior de mais valia com a transferência total das riquezas nacionais dos diferentes países para os EUA.

Em relação à Venezuela, a guerra híbrida, diferentemente do Brasil, não funcionou. No Brasil, a ação de agentes externos (principalmente CIA e Mossad) na manipulação das instituições do regime político, com a colaboração da burguesia nacional entreguista e da burocracia operária frentepopulista, teve êxito, tanto que o golpe de Estado se consolidou com a fraudulenta vitória eleitoral da extrema-direita e a subida do governo Bolsonaro/general Mourão.

Na Venezuela, todos os intentos de táticas de guerra híbridas, como as tentativas de desestabilização do regime político, como o financiamento das organizações de oposição e dos partidos e imprensa direitistas, a compra de juízes, os estímulos de protestos de rua antigovernamentais aparentemente de origem popular, etc., não deram resultado.

Contra a agressão imperialista à Venezuela!

Toda a manipulação e o boicote econômico e político não foram suficientes para substituir o regime chavista por um regime pró-imperialista. Por isso, com o argumento de “restaurar a democracia na Venezuela”, os EUA preparam uma invasão militar ao país.

No Brasil, os EUA colocaram a mão na “camada do pré-sal” (reservas profundas de petróleo e gás natural na costa brasileira), nas empresas nacionais e avançam para atacar o agronegócio brasileiro, apenas com métodos de guerra não convencional, a chamada guerra híbrida.

Na Venezuela, para colocar a mão no petróleo (maior reserva petrolífera do mundo) e afastar a influência chinesa e russa da região, se impõe, para os EUA, iniciar uma guerra convencional. Para isso usará os governos teleguiados da Colômbia e do Brasil. Não é por acaso que o estado brasileiro de Roraima, fronteira com a Venezuela, está sob intervenção federal. E essa intervenção, diferente da intervenção no estado do Rio de Janeiro, que é parcial, é total.

A classe trabalhadora dos países latino-americanos, em primeiro lugar, e mundial, deve repudiar essa agressão imperialista e pressionar para que os governos dos diferentes países da região não levem adiante e não colaborem com esse plano de invasão militar a um país soberano.

O governo de Nicolás Maduro deve armar todos os trabalhadores

A primeira resistência deve ser da classe trabalhadora venezuelana, que tem que tomar para si essa tarefa, com o apoio dos trabalhadores dos países da região. E os venezuelanos têm uma enorme tradição de lutas e um acúmulo de experiência que devem ser utilizados em momentos decisivos da luta de classes, como agora.

A experiência do “Caracazo”, em 1989, como primeira reação popular às políticas neoliberais, ainda estão bem vivas na consciência do povo. Naquela ocasião se abriu uma situação revolucionária que influenciou, em diferentes gradações, toda a América do Sul.

Em 2002, a tentativa de golpe promovida pelos EUA não dura mais de 47 horas, pois o movimento de massas sai às ruas, derrota o golpe e Hugo Chaves é reempossado como presidente.

Na continuação, o movimento de massas empurra o governo mais à esquerda, são instituídas as “missiones” (programas sociais de assistência à população mais carente) e o Partido Socialista Unificado da Venezuela (PSUV) agrupa quase toda a esquerda e se reivindica uma vertente nacionalista anti-imperialista, ainda que com contradições.

O que é muito importante é que uma parte fundamental da população está armada desde a derrota do golpe de Estado contra o governo Chávez. Essa situação sempre colocou um enorme medo na direita e no imperialismo, pois uma guerra civil poderia levar à consequências imprevisíveis.

Agora que os EUA estão considerando a possibilidade de invasão, uma guerra total pode desestabilizar toda a região e criar uma situação de atolamento para as tropas invasoras semelhante à vivida na derrota do Vietnã.

O governo de Nicolás Maduro deve armar todos os trabalhadores imediatamente, pois só a população armada, com a classe trabalhadora na vanguarda, pode fazer frente a essa agressão.

Por uma campanha internacional em defesa da Venezuela

É decisivo instrumentalizar uma campanha em defesa da Venezuela. Ainda que não tenhamos acordo com a política chavista de “socialismo do século XXI”, que é baseada na conciliação de classes, pois consideramos que é necessário a expropriação das grandes empresas capitalistas e do latifúndio, nesse momento devemos chamar a unidade na luta anti-imperialista.

Chamamos a classe operária de todos os países latino-americanos, e de todos os países do mundo, juntamente com as organizações revolucionárias, com as organizações de classe e democráticas em geral, a cerrarem fileira numa grande campanha internacional em defesa da Venezuela contra a agressão imperialista.

Desde já temos que utilizar todos os meios de agitação e propaganda para divulgar essa campanha e mobilizar as massas no sentido de fazer retroceder essa ameaça, que não é apenas uma ameaça ao governo e ao povo venezuelano, mas é uma ameaça a todos os trabalhadores e a toda população do continente, de sofrer as consequências de uma guerra sangrenta e sem fim.

+ Política

Campanha pela Liberdade de Cesare Battisti

Campanha pela Liberdade de Cesare Battisti

O ativista italiano Casare Battisti foi preso na noite de ontem, 12 de janeiro, em...

Por que é inevitável um levante dos trabalhadores?

Por que é inevitável um levante dos trabalhadores?

  Por Florisvaldo Lopes Com a crise estrutural do capitalismo, a tendência é de muito...

A luta no mínimo

A luta no mínimo

 Bolsonaro tomou posse no dia 1º de janeiro de 2019 com enorme deslocamento de tropas...

Todo apoio à Venezuela!  Abaixo a agressão imperialista!

Todo apoio à Venezuela! Abaixo a agressão imperialista!

A posse de Jair Bolsonaro no dia 1º de janeiro, foi um momento importante para...

PT e CUT, versão light 2019

PT e CUT, versão light 2019

  Esse início de 2019 marca uma virada histórica na situação nacional e no movimento...

Por una campaña internacional en defensa de Venezuela

Por una campaña internacional en defensa de Venezuela

  ¡Contra la agresión imperialista a Venezuela! ¡Qué Maduro arme a todos los trabajadores!  ...

An international campaign in defense of Venezuela

An international campaign in defense of Venezuela

  No to the imperialist aggression against Venezuela! Maduro must weaponize all the workers!  ...

Por uma campanha internacional em defesa da Venezuela

Por uma campanha internacional em defesa da Venezuela

    Contra a agressão imperialista à Venezuela! Que Maduro arme todos os trabalhadores!  ...

Venezuela como expressão da crise mundial

Venezuela como expressão da crise mundial

O ano de 2018 encerra com um claro aprofundamento da crise capitalista mundial. A economia...

A morte do PT e a construção do Partido Revolucionário

A morte do PT e a construção do Partido Revolucionário

Na semana passada, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Melo concedeu liminar...

Qual o significado do fim do lulismo?

Qual o significado do fim do lulismo?

Às vésperas da posse de Bolsonaro como presidente da República, se projeta um ano de...

O fim da esquerda oportunista

O fim da esquerda oportunista

As declarações públicas do presidente da CUT (Central Única dos Trabalhadores), Vagner Freitas, representaram um...

O parasitismo financeiro contra o Brasil

O parasitismo financeiro contra o Brasil

No dia 13 de dezembro de 2018, a Câmara dos Deputados quase aprovou a Lei...

Os escândalos contra Bolsonaro: regime militar aberto

Os escândalos contra Bolsonaro: regime militar aberto

Recentemente, estouraram vários escândalos sobre a família Bolsonaro. Vários deles se relacionam com revelações do...

Fora Bolsonaro e o Golpe Militar!

Fora Bolsonaro e o Golpe Militar!

A crise está instalada no futuro governo com a denúncia de corrupção contra a família...

O que está acontecendo na França?

O que está acontecendo na França?

Os protestos que têm acontecido na França nas últimas semanas representam um dos principais sintomas...

A classe operária entrará em movimento?

A classe operária entrará em movimento?

A situação de levante popular na França indica uma mudança na situação da luta de...

A crise do lulismo e a luta dos trabalhadores

A crise do lulismo e a luta dos trabalhadores

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, liberou esta semana o julgamento de...

O fim do Lulismo

O fim do Lulismo

  A condenação de Lula de 12 anos e 1 mês de prisão por corrupção...

Liberdade para Lula!  Fora Bolsonaro e o golpe militar!

Liberdade para Lula! Fora Bolsonaro e o golpe militar!

O depoimento de Lula no dia 14 de novembro, sobre o processo do sítio de...

Militares brasileiros, nacionalistas ou golpistas?

Militares brasileiros, nacionalistas ou golpistas?

A vitória de Jair Bolsonaro no Brasil faz parte da guerra “silenciosa” (híbrida, assíncrona, ou...

Dia de luta contra a Reforma da Previdência de Bolsonaro/Paulo Guedes

Dia de luta contra a Reforma da Previdência de Bolsonaro/Paulo Guedes

  A chapa Bolsonaro/Paulo Guedes venceu as eleições presidenciais de 2018 porque o PT, apoiado...

Agora como farsa?

Agora como farsa?

Por Paulo Uribe A partir de golpe de Estado, em 31 de março de 1964,...

Golpe militar em andamento. O que fazer?

Golpe militar em andamento. O que fazer?

Os ataques contra os trabalhadores vêm de maneira acelerada com o governo Bolsonaro. Praticamente todos...

“Lei do Abate”, autonomia da polícia

“Lei do Abate”, autonomia da polícia

Quais as consequências para os trabalhadores e a população pobre e negra dos subúrbios? Por...

As centrais sindicais devem chamar uma Plenária Nacional de Mobilização

As centrais sindicais devem chamar uma Plenária Nacional de Mobilização

O governo Bolsonaro já está, de fato, no comando do país. Nenhuma medida do governo...

A “esquerda” legalizou o golpe “bolsonarista”

A “esquerda” legalizou o golpe “bolsonarista”

  Desde o impeachment de Dilma, que foi um golpe parlamentar, a direita apertou o...

Como lutar contra o governo Bolsonaro?

Como lutar contra o governo Bolsonaro?

As eleições de outubro de 2018 representaram uma das maiores fraudes dos últimos tempos. A...

Contra o golpe militar em andamento! Nenhum acordo com Bolsonaro!

Contra o golpe militar em andamento! Nenhum acordo com Bolsonaro!

No segundo turno das eleições presidenciais no Brasil, venceu a fraude eleitoral do imperialismo norte-americano,...

Against the military coup in progress

Against the military coup in progress

BRAZIL No agreements with Bolsonaro   In the second round of presidential elections in Brazil,...

28 de outubro - Eleições de carta marcada - 00confirma

28 de outubro - Eleições de carta marcada - 00confirma

Nos últimos dias antes das eleições, ficou claro que além de ser um circo eleitoral,...

Bolsonaro, o Trump brasileiro

Bolsonaro, o Trump brasileiro

Encontro de Eduardo Bolsonaro com Steve Bannon Foto: Reprodução A vitória de Donald Trump em...

Muito mais que eleições, os trabalhadores precisam se organizar para lutar

Muito mais que eleições, os trabalhadores precisam se organizar para lutar

Por Antônio Fernando Analisando a conjuntura atual, vemos que a crise do sistema, que só...

O PT como oposição golpista consentida

O PT como oposição golpista consentida

É importante fazer a discussão do processo eleitoral compreendendo o contexto do golpe de Estado...

Bolsonaro não é fascista! Pode ser uma ameaça ainda maior!

Bolsonaro não é fascista! Pode ser uma ameaça ainda maior!

Por Sergio Lessa Há uma enorme confusão na avaliação do cenário político nacional, nestes dias...

Por que a vitória de Bolsonaro é praticamente certa?

Por que a vitória de Bolsonaro é praticamente certa?

O grande ponto que deve ser avaliado, em se tratando das eleições no Brasil, é...

A saga de um traidor. Doria e sua política (neo) liberal

A saga de um traidor. Doria e sua política (neo) liberal

Por Florisvaldo Lopes     No debate realizado pela TV Bandeirantes, o candidato do PSDB...

Segundo turno. Duas caras da mesma moeda

Segundo turno. Duas caras da mesma moeda

Por Florisvaldo Lopes Após uma grande polarização entre Haddad (PT), uma aposta do imperialismo europeu,...

Haddad faz gol contra

Haddad faz gol contra

A campanha do PT no segundo turno está bem diferente da campanha do primeiro turno....

Haddad é Lula?

Haddad é Lula?

Recentemente apareceu nas notícias que Fernando Haddad teria visitado o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal...

Haddad, semeando derrotas

Haddad, semeando derrotas

A recente campanha de Fernando Haddad tem se mostrado um desastre completo que está conduzindo...

Haddad joga para perder

Haddad joga para perder

A campanha de Fernando Haddad, como candidato do Partido dos Trabalhadores (PT), no segundo turno...

Haddad joga para perder no 2º turno?

Haddad joga para perder no 2º turno?

    As eleições de 2018 acontecem como parte do processo golpista e servem para...

A delação de Palocci pode derrubar Haddad?

A delação de Palocci pode derrubar Haddad?

Recentemente foram liberadas pelo juiz Sergio Moro as delações do ex-ministro Antonio Palocci, há 6...

O STF e o Golpe

O STF e o Golpe

O golpe de Estado no Brasil progride com contradições, mas progride. Já temos falado várias...

Voto nulo nas eleições golpistas #00confirma

Voto nulo nas eleições golpistas #00confirma

Na semana passada foi realizada na grande mídia uma campanha de desconstrução da candidatura de...

Mudança imperialista aos 45 minutos do 1.º tempo do jogo político no Brasil.

Mudança imperialista aos 45 minutos do 1.º tempo do jogo político no Brasil.

Por Florisvaldo Lopes O imperialismo, principalmente o norte-americano, que deu o golpe na dita “democracia”...

Haddad “adotado” pelos Rothschild?

Haddad “adotado” pelos Rothschild?

É corrente nos meios de comunicação de massas a afirmação de que as eleições deste...

Rachaduras na candidatura Bolsonaro

Rachaduras na candidatura Bolsonaro

O evento mais importante da semana foi a matéria de capa da revista The Economist,...

O roteiro golpista no Brasil

O roteiro golpista no Brasil

O golpe de Estado deve ser visto como um processo que começa em 2005 na...

Gazeta Revolucionária [pdf]