Segunda, 24 Setembro 2018

Operários da Volks torturados na Ditadura fazem protesto em São Bernardo

Written by  Published in Últimas notícias Sábado, 16 Dezembro 2017 22:00
Rate this item
(0 votes)

volksdit.fw

Os operários da Volkswagen de São Bernardo do Campo, torturados na Empresa durante a Ditadura Militar de 1964, realizaram protesto na porta da fábrica, na quinta-feira, dia 14 de dezembro.

Um dos candidatos à presidência do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo da Oposição Metalúrgica contra o pelego Joaquinzão, Lúcio Bellentani, esteve presente:

“(...) Fazia parte do grupo Lúcio Bellentani, que em 1972 foi abordado na linha de produção por agentes da ditadura. Ele alega ter sido torturado dentro da fábrica.

Hoje com 72 anos, ele e outros funcionários denunciaram a Montadora ao Ministério Público. ‘Queremos que eles se responsabilizem. Pedimos uma reparação coletiva, como a construção de um museu, e reparações individuais financeiras.” (Folha de S. Paulo, 15/12/2017).

A Empresa encomendou Relatório ao professor alemão Christopher Kopper, “contratado pela montadora após ex-funcionários relatarem à Comissão Nacional da Verdade casos de perseguição” (Idem).

O relatório concluiu:

“que houve cooperação entre a equipe de segurança industrial de sua filial brasileira e a ditadura militar no país. O texto afirma, porém, que não foram encontradas evidências claras de colaboração institucionalizada da empresa.” (Idem)

Tal relatório foi apresentado pelo CEO da Volks na América do Sul e no Brasil, Pablo Di Si, depois dos protestos do operários, sendo “uma placa em memória das vítimas da ditadura foi descerrada na fábrica.”

Acrescente-se que a Volkswagen deu guarida a criminosos nazistas, como “Franz Stang, ex-chefe de dois campos de extermínio na Polônia [Treblika e Sobibór] não só se tornou funcionário da montadora de São Bernardo do Campo, como montou um esquema de espionagem na fábrica em colaboração com o regime militar.” (UOL, 27/07/2017). Stangl foi preso e condenado em 22 de outubro de 1970 à prisão perpétua e morreu em 28 de junho de 1971 de parada cardíaca, na cidade de Düsseldorf.

A Volks deve pagar as indenizações aos operários torturados e aos perseguidos, até que seja totalmente expropriada pelos trabalhadores, num governo revolucionário operário e camponês.

Read 512 times Last modified on Domingo, 17 Dezembro 2017 09:27

Nacional

Bolsonaro e os militares

18 Setembro 2018
Bolsonaro e os militares

  Na atual conjuntura, é muito válida a célebre máxima do grande filósofo alemão Friedrich Hegel e que, depois, foi referendada por Karl Marx:  a História se repete, a primeira...

Haddad, Bolsonaro e o Golpe

17 Setembro 2018
Haddad, Bolsonaro e o Golpe

O “atentado” contra Jair Bolsonaro, candidato à presidência da República pelo Partido Social Liberal (PSL), marca o aprofundamento do processo do golpe de Estado.  Colocou em cena o general da...

Aos trabalhadores brasileiros

12 Setembro 2018
Aos trabalhadores brasileiros

Por Florisvaldo Lopes Caros camaradas, Nesse momento em nosso país enfrentamos uma das maiores crises econômicas da História. Não fomos nós trabalhadores que provocamos e sim os capitalistas, os quais...

A Ditadura do Judiciário e a libertação de Lula

03 Agosto 2018
A Ditadura do Judiciário e a libertação de Lula

O golpe de Estado no Brasil, capitaneado pelo Poder Judiciário, avança de vento em popa. Com a aproximação do prazo final para inscrições de candidatos ao cargo de Presidente da...

Devorados pelo Judiciário

20 Julho 2018
Devorados pelo Judiciário

A ilusão da esquerda nas instituições do Estado burguês fica manifesta com a postura quase que religiosa de confiança na Justiça burguesa. Porém, esse crédito na isenção dos julgadores brasileiros...

Gazeta Revolucionária [pdf]

Saiba Mais

Massacre ao povo palestino (parte...

A Intifada palestina     Intifada significa revolta, ou literalmente...

Massacre ao povo palestino (parte...

A criação do Estado de Israel Não foi da noite...

Massacre ao povo palestino (parte...

Sionismo praticando a necropolítica em Gaza     A propósito,...

Massacre ao povo palestino (parte...

Nakba, 70 anos de assassinatos No dia 14 de maio...