Quinta, 22 Fevereiro 2018

Censura da biografia de Belchior: apoio ou repúdio?

Written by  Published in Global Economy Sábado, 18 Novembro 2017 00:00
Rate this item
(1 Vote)

belchior2

 

A socióloga Ângela Belchior quer impedir a circulação da biografia de seu irmão intitulada “Apenas um Rapaz Latino-Americano”, escrita pelo jornalista Jotabê Medeiros, editado pela Editora Todavia.

Ângela alega que o livro é “mentiroso”, “cheio de erros” e “ofensivo à honra do artista e de sua família”, e que “Nosso objetivo é tirar o livro de circulação, estamos tomando providências.”  (Folha de S. Paulo, 17/11).

Como ponderou Ruy Castro em sua coluna:

“É normal – as famílias, que julgam saber tudo sobre seus parentes ilustres, sempre se surpreendem com as revelações levantadas por biógrafos. Até pouco, a lei autorizava a ir aos tribunais e tentar tirar um livro de circulação. Em 1995, conseguiram com que “Estrela Solitária”, minha biografia de Garrincha, passasse um ano proibida, e, em 2006, baniram para sempre “Roberto Carlos em Detalhes”, de Paulo Cesar Araújo.

Só que, do voto de Cármen Lúcia para cá, nenhuma autor é obrigado mais a pedir a autorização de ninguém para biografar quem quer que seja e, se o biografado ou sua família não gostar do resultado, que processe o autor e tire-lhe as calças – mas o livro não poderá ser proibido de circular.

(...) Não por coincidência, Ângela está escrevendo seu próprio livro sobre o irmão, a sair em 2018.

Ótimo, e boa sorte para esse livro. Mas o de Jotabê Medeiros, que não li e já gostei, não pode ser tocado, a não ser por quem vá às livrarias e compre um exemplar.” (Idem).

Conforme nos ensinaram André Breton, Diego Rivera e Leon Trotsky:

“Se para o desenvolvimento das forças produtivas materiais, cabe à revolução erigir um regime socialista de plano centralizado, para a criação intelectual ela deve, já desde o começo, estabelecer e assegurar um regime anarquista de liberdade individual. Nenhuma autoridade, nenhuma coação, nem mesmo o menor traço de comando!,” (André Breton, Diego Rivera e Leon Trotsky, “Manifesto por uma arte revolucionária independente.”), México, 25 de julho de 1938.

A censura é uma forma de repressão do Estado burguês, sendo que os revolucionários marxistas colocam-se contra todas as formas de censura, porque há necessidade de total liberdade de criação, devendo ser assegurado a liberdade individual para a arte.

Read 211 times Last modified on Sábado, 18 Novembro 2017 14:14

Nacional

Lula e o fim da esquerda atual

13 Fevereiro 2018
Lula e o fim da esquerda atual

A condenação de Lula recentemente pelo TRF-4 (Tribunal Regional Federal) dá continuidade à política do imperialismo para a América Latina iniciada em 2014. A política do PT, que é uma...

Contra as privatizações no Rio Grande do Sul

12 Fevereiro 2018
Contra as privatizações no Rio Grande do Sul

Na madrugada de 8 de fevereiro de 2018, a Assembleia Legislativa gaúcha aprovou por 30 votos a 18 o Projeto de Lei Complementar 249/2017 que autoriza o Rio Grande do...

Todos são culpados até que se prove o contrário?

31 Janeiro 2018
Todos são culpados até que se prove o contrário?

Supremo Tribunal Federal: Prisão após condenação em 2º Grau?   No último período, a conjuntura nacional está fortemente marcada pelo avanço do Poder Judiciário sobre o regime político. O melhor...

Educação

Banco Mundial, gerente da educação brasileira

14 Fevereiro 2018
Banco Mundial, gerente da educação brasileira

A década de 1970 foi marcada pelo revés no modo de regulação capitalista, devido à crise do petróleo, a expressão da crise capitalista em geral. Ganharam força as propostas de...

Educação infantil na mira do prefeito de Belo Horizonte

18 Dezembro 2017
Educação infantil na mira do prefeito de Belo Horizonte

Prefeito de Belo Horizonte quer penalizar educadores, crianças e mulheres.   Diante do enorme déficit de vagas para atender às crianças da capital mineira na educação infantil, o prefeito encontrou...

São Paulo: O sucateamento da educação pública

30 Novembro 2017
São Paulo: O sucateamento da educação pública

Por Salomão Ximenes, Fernando Cássio e Silvio Carneiro (Professores da UFABC e pesquisadores da Rede Escola Pública e Universidade) A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (SEE-SP) abriu...

Gazeta Revolucionária [pdf]

capa gr4

Saiba Mais

O efeito colateral na esquerda

O movimento de massas está paralisado no Brasil e mesmo...

A morte terceirizada no Carnaval...

No último Domingo dia 04/02 o jovem Lucas Antônio Lacerda...

Socialismo pequeno burguês e os...

Para quem pensa que a CIA (Agência Central de Inteligência...

RS: Abaixo o plano de...

  A política aplicada pelo governo de José Ivo Sartori...

Socialismo pequeno-burguês e "teoria das...

A crítica concreta e ideológica das teorias pequeno-burguesas representa um...